O que é um Programa de Reconhecimento?

reconhecimento, feedback, engajamento

Programa de Reconhecimento: engajando seus funcionários

Há quem critique mais do que elogie. Talvez seja esse o motivo de valorizarmos tanto quando somos reconhecidos: ficou raro. Empresas de sucesso, no entanto, já perceberam que é essencial reconhecer os funcionários quando se quer engajá-los. Os benefícios que um colaborador reconhecido traz para a organização estimulam a implementação de um eficiente programa de reconhecimento.

O que é um Programa de Reconhecimento?

Um Programa de Reconhecimento é uma política específica da empresa com critérios estabelecidos de acordo com a sua cultura, para reconhecer e valorizar indivíduos e equipes. Normalmente, quem foi reconhecido recebe uma recompensa, seja ela financeira ou não. Afinal, por que reconhecer e ser reconhecido é importante?

Respondo com outras perguntas: por que nos levantamos todos os dias para trabalhar? Só para garantir o salário no final do mês? Ok, sabemos que muitas pessoas responderiam “sim” a essa questão, mas isso não é uma verdade para a maioria. Buscamos constantemente por algo que nos pertença por inteiro e queremos reconhecimento por nossa dedicação, empenho, competência e resultados.

Já adianto, entretanto, que não basta dar uma bonificação, pois só o dinheiro não é suficiente para motivar as pessoas. É preciso fazer com que elas se sintam reconhecidas. Seja generoso, não mentiroso, quando for elogiar os outros. Divulgue as qualidades das pessoas. A gentileza é a sua parte que se engrandece com a realização do outro; é o desejo real de ajudar as pessoas e fazê-las se sentirem bem.

Por que reconhecer é importante para a empresa?

Um bom Programa de Reconhecimento aumenta a motivação e a produtividade dos colaboradores, melhora o clima organizacional, o relacionamento com os clientes, bem como diminui o turnover, o que significa gastar menos com recrutamento, contratação e treinamento.

Com isso, você estrutura sua empresa privilegiando a dedicação e o mérito individual dos colaboradores. Além de reter, a organização passará a atrair talentos, o que costuma ser um excelente impulsionador de resultados.

Como estruturar?

Basicamente, são 7 passos:

  1. Vincular o programa aos valores corporativos
  2. Alinhar à estratégia global
  3. Garantir que se torne parte da cultura interna
  4. Associar à indicadores de desempenho
  5. Utilizar a comunicação interna para divulgação do programa
  6. Reconhecer de forma imparcial quem produziu resultados
  7. Utilizar a comunicação interna para divulgação dos colaboradores reconhecidos

É preciso método, para que depois seja possível mensurar resultados. As regras do Programa devem ser detalhadas, assim como as etapas, datas, número de prêmios, elegibilidade de funcionários e número de reconhecidos. Se houver premiações, elas devem ser previamente descritas.

Para a etapa de implementação, é preciso estabelecer como se dará a divulgação do Programa. Esta deverá ser extensiva a todos os participantes, levando em conta as mais diversas formas de comunicação, uma vez que gerações diferentes se comunicam de formas variadas.

O que deve ser reconhecido?

Os programas de reconhecimento mais comuns são aqueles em que o cálculo é automático conforme calendário, como, por exemplo:

Aniversariantes do mês

  • 1 ano de empresa
  • 5 anos de empresa
  • 10 anos de empresa

Você também pode montar Programas de Reconhecimento customizados, incentivando a colaboração e um clima organizacional leve e positivo:

  • Divulgar boas práticas com exemplos dos próprios colaboradores
  • Reconhecer pessoas que deram mais feedbacks
  • Reconhecer pessoas que entregaram acima das metas
  • Reconhecer pessoas que foram destaque em determinados valores da empresa
  • Reconhecer pessoas que foram destaque em competências

Crie formas de avaliação que possam englobar todos os funcionários. Não adianta premiar por vendas, se um setor que não trabalha com isso não poderá participar. Seja criativo e desenvolva ideias para estimular a cooperação entre os colaboradores, criando motivos e oportunidades para que eles troquem experiências e mostrem seus trabalhos.

Como engajar seus colaboradores?

É fundamental que o Programa seja formal, com regras divulgadas com clareza, transparência e igualdade. O ideal é ter uma ferramenta que, através da tecnologia, possibilite a elaboração de sistemas de meritocracia com base em análise de dados. É importante você estruturar como serão as recompensas. Veja abaixo algumas sugestões:

Recompensas financeiras

  1. Bonificação
  2. Salário variável
  3. Cartão pré-pago
  4. Café da manhã com diretoria

Recompensas não financeiras

  1. Folga: meio dia off, 1 dia inteiro off
  2. Brindes: caneca, caneta, cadernos, medalhas, etc
  3. Viagens
  4. Vale-presente

Feedback como ferramenta de reconhecimento profissional

Se você tiver o Programa de Reconhecimento na mesma plataforma que tem o Feedback 360, é possível levar em conta estes resultados para reconhecer as pessoas. O Feedback é uma técnica que já funciona, por conta própria, como motivadora e propulsora de produtividade e comprometimento. Quanto mais sou reconhecido nas minhas atividades, mais eu produzo.

Como mensurar resultados?

Além de assegurar que o Programa de Reconhecimento aconteça, o RH é a área responsável por mensurar os resultados do Programa, que devem englobar:

  1. Engajamento dos colaboradores
  2. Impacto do Programa na cultura da empresa
  3. Alcance da Comunicação do Programa

Através dos resultados, o RH deve identificar quais são os pilares mais fortes e mais fracos da cultura na prática. Esta atividade, que no passado era intangível, hoje em dia pode ser mensurada, é isso é possível com o uso de ferramentas de gente e gestão.

Loading...
Universidade do Feedback

Cecilia Pessoa é fascinada por artes, literatura e tudo que envolve a capacidade e a condição humana. É bacharel em direito, professora e tradutora de francês e estudante de comunicação social. Cecília, admiradora de boas ideias, é fundadora do Crível Incrível, um espaço de escrita criativa.